Central Coronavírus completa 1 ano de atividade em Botucatu

42230c82d7107f88546da6d29a2b16ae

Iniciativa pioneira no combate ao coronavírus, a Central Coronavírus em Botucatu completa nesta terça-feira, 23, um ano de atuação.

Criada com o objetivo de esclarecer dúvidas à população acerca da Covid-19 e direcionar ações da Secretaria Municipal de Saúde de combate à doença, a Central recebeu neste período 23.205 ligações.

É da Central Coronavírus que sai também o agendamento das coletas de exame RT-PCR em pontos de coleta em toda a Cidade e também, quando necessário, em domicílios de pacientes. Ao todo, foram 47.170 coletas. Os atendimentos domiciliares somaram 9.044 ações.

“Temos que reconhecer o trabalho incansável dos profissionais que atuam na Central de segunda a segunda, com o objetivo de instruir a população e promover os procedimentos iniciais para aqueles que apresentam sintomas. É testando essas pessoas nos primeiros dias do surgimento dos sintomas que garantimos diagnóstico, monitoramento de gravidade e encaminhamento adequado para tratamento dos casos que precisam de internação, o que colabora para que os casos não evoluam para um quadro mais grave”, afirma o Secretário Municipal de Saúde, André Spadaro.

A Secretaria Municipal de Saúde recomenda que, ao perceber sintomas característicos da Covid-19, o paciente faça contato com a Central Coronavírus, para que as equipes orientem devidamente.

Não é recomendado que, ao invés desse contato com a Central, pacientes se dirijam ao pronto socorro de imediato. Casos leves e iniciais podem ser adequadamente avaliados pela Central ou nas Unidades Básicas de Saúde ou Pronto Atendimentos noturnos.

A Central Coronavírus atua todos os dias, das 7 às 19 horas, atendendo pelo telefone (14) 3811-1519.