PF e Receita Federal realizam operação de combate ao contrabando de cigarros na região de Botucatu

5b5b9aa4-dc76-4aac-b737-ac3e568bc544-678x381

A Polícia Federal, com o apoio da Receita Federal do Brasil, deflagrou nesta quarta-feira (3/3) a Operação Policial ALEGORIA, para repressão ao contrabando de cigarros na região de São Manuel e Botucatu/SP.

Um contingente de 50 policiais federais e auditores da receita federal dão cumprimento simultâneo a 11 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de prisão temporária, expedidos pela 1ª Vara Federal em Botucatu/SP, em endereços localizados nas cidades de São Manuel/SP, Botucatu/SP e Rolândia/PR.

A Polícia Federal, com o apoio da Receita Federal do Brasil, deflagrou nesta quarta-feira (3/3) a Operação Policial ALEGORIA, para repressão ao contrabando de cigarros na região de São Manuel e Botucatu/SP.

Um contingente de 50 policiais federais e auditores da receita federal dão cumprimento simultâneo a 11 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de prisão temporária, expedidos pela 1ª Vara Federal em Botucatu/SP, em endereços localizados nas cidades de São Manuel/SP, Botucatu/SP e Rolândia/PR.

As investigações iniciaram há um ano e demonstraram a atuação de um grupo de pessoas associadas para a prática habitual do crime de contrabando de cigarros provenientes do Paraguai.

Grandes remessas, adquiridas de fornecedores da região de fronteira, eram armazenadas em São Manuel/SP e, habitualmente, abasteciam diversos pequenos comerciantes e consumidores da região com o produto nocivo à saúde.

As investigações continuam e os envolvidos deverão ser processados pelos crimes de contrabando e de associação criminosa, cujas penas somadas podem chegar a 8 anos de reclusão.

Fonte :  Comunicação Social da Polícia Federal em Bauru/SP