Forças de Segurança e Conseg ajudarão na formação de jovens da Guarda Mirim

14news.com.br-guarda-mirim-1024x768

Nesta quarta-feira (12), foi definida parceria entre a Guarda Mirim com Polícia Civil e o Conselho Municipal de Segurança (Conseg) para um trabalho conjunto com objetivo de oferecer palestras, e assim, novas perspectivas a jovens assistidos pela Guarda Mirim de Botucatu.

O trabalho terá parceria ainda com a Polícia Militar, por meio do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas), e a Guarda Municipal.

Para a efetivação dessa parceria, o delegado Seccional de Botucatu, Lourenço Talamonte Netto recebeu a visita de Clóvis Martins, Presidente do CONSEG – Conselho Municipal de Segurança de Botucatu, e o Gestor Judicial da Guarda Mirim de Botucatu, acompanhado do doutor Paulo Lourenção, assessor jurídico da Guarda Mirim, assistente social Gisele, e das psicólogas Eliete e Bianca, além do educador físico, professor Júlio.

Na oportunidade, foram tratados assuntos de uma parceria entre a Guarda Mirim e o Programa Jovem Aprendiz, que contará com o apoio da Polícia Civil, sob a atuação do delegado Mauro Rodrigues – membro nato do Conseg – e assistente do delegado Seccional. Haverá ainda a participação de policiais civis em um trabalho de médio e longo prazo visando um universo de quase 800 famílias e mais de 300 menores aprendizes.

Segundo o delegado Seccional, o objetivo é mostrar o trabalho da Polícia Civil para que possam ter novas referências profissionais, e através de palestras, auxiliar na formação dos jovens, abordando sobre drogas e demais riscos. Serão realizadas visitas de pequenos grupos. “É uma nova perspectiva para esses jovens”.

Guarda Mirim Botucatu

A Guarda Mirim Botucatu

Atua há mais de 40 anos na cidade de Botucatu, recrutando, selecionando e encaminhando adolescentes aprendizes para o mercado de trabalho.

Como instituição encaminhadora reconhecida pelo Ministério do Trabalho e Emprego, a Guarda Mirim acompanha o jovem durante todo o processo de aprendizagem profissional.

O maior objetivo é promover a inclusão social dos jovens por meio do desenvolvimento de habilidades e ingressá-los ao mercado de trabalho.

Os jovens encaminhados pela Guarda Mirim Botucatu são contratados de acordo com a Lei da Aprendizagem – 10.099/2000 – possibilitando que as empresas parceiras cumpram com as obrigações trabalhistas e exigências do Ministério do Trabalho e Emprego no que se refere à colocação de aprendizes em seu quadro de funcionários.

Missão
Garantir aos menores os seus direitos fundamentais sem prejuízo de proteção integral, a fim de proporcionar o seu desenvolvimento físico, mental, espiritual e social em condição de liberdade e dignidade.

Visão
Nossa visão está fundamentada no auxilio social ao município, evitando que o jovem fique ocioso, tendo assim, fácil acesso às drogas e à prática de delitos.

Diferencial
A Guarda Mirim de Botucatu é uma Entidade não governamental sem fins lucrativos, de natureza assistencial, educacional, de caráter beneficente e filantrópico, que oferece aos jovens a oportunidade de qualificação e profissionalização para o primeiro emprego, na condição de aprendiz, auxiliando jovens entre 15 a 18 anos.

Dentre os principais pontos destacam-se a colocação no mercado de trabalho, embasada na lei do menor aprendiz, o projeto pré-profissionalizante, e a complementação educacional.

A Guarda Mirim Botucatu oferece cursos profissionalizantes aos Menores Aprendizes e toda a comunidade.

Valores
Dar suporte aos aprendizes e alunos para conquista profissional e pessoal;
Auxilio na integração entre instituição, empresa, família e escola;
Visão de acolhimento no trabalho;
Tratar a todos como queremos ser tratados;
Trabalho em equipe;
Comunicação aberta e honesta;
Valorização de relacionamentos significativos;
Trabalhar para fazer a diferença no mundo;
Garantir os direitos trabalhistas e previdenciários dos Jovens Aprendiz;


Fonte: 14 News