Após ser ameaçada em casa, mulher pula o muro e pede ajuda para vizinhos

14news.com.br-pm-prende-homem-que-guardava-droga-para-gerente-do-trafico-pm-militar-policia-viatura-22-585x446

Um homem foi preso acusado de ameaçar a companheira de morte, às 14h30 de domingo (09), em Botucatu (SP).

Policiais militares relatam que foram acionados pela central para atendimento de briga entre casal. No endereço, a equipe foi recebida por outro casal vizinho. Eles informaram que uma mulher estava escondida na residência, pois vinha sendo ameaçada de morte pelo amásio.

A vítima relatou que desde a noite anterior estava discutindo com o amásio, pois ela se recusou ir comprar chá. No domingo, ele estava em um estado emocional muito alterado, chegando a fazer ameaças com uma barra de ferro. O homem proferiu palavras de baixo calão e também danificou móveis e o televisor da casa, falando diversas vezes que iria matá-la. Então, a mulher aproveitou o momento que ele saiu para comprar cerveja, pulou o muro para fugir e pediu socorro na casa de sua vizinha, que a acolheu e acionou a Polícia Militar.

A PM entrou em contato com o homem, que estava muito nervoso, e em certo momento, ele chegou a puxar a vítima pelo braço e contido pela equipe. Ainda assim continuou tentando se aproximar dela, desobedecendo a ordem de se afastar. Dessa forma, o autor percebeu que a vítima não iria retornar para a residência, e falou para ela que a partir daquele momento, ela deveria se preparar porque na primeira oportunidade iria matá-la.

Os policiais militares retiraram a vítima do local para proteger sua integridade física, solicitando apoio. Com a chegada das viaturas, o vizinho, informou que o autor foi até sua residência armado de faca para ameaçá-lo. Mediante o fato, as partes foram conduzidas até o plantão permanente, onde a autoridade policial tomou ciência dos fatos, acionou a perícia para se deslocar até a residência devido aos danos causados nos móveis e televisão, e a lesão causada no braço da vítima, que foi conduzida até o pronto socorro, local em que o médico constatou a lesão.

Foram apreendidas a faca e a barra de ferro. Diante dos fatos, a Polícia Civil elaborou boletim de ocorrência pelos crimes de ameaça, violência doméstica, lesão corporal, danos e desobediência, permanecendo preso.

Fonte: 14 News