Ameaça contra botucatuenses gera repercussão nacional; PT e PSOL condenam ataques

envelope-balas-ameaca-btu-240720

As ameaças feitas a dois botucatuenses  por causa de postagens em redes sociais com teor político geraram repercussão nacional após ser publicado pelo Notícias Botucatu e Leia Notícias.

O site da revista Carta Capital trouxe neste domingo a história, ressaltando o possível cunho político das ameaças, já que ambos fazem postagens contra o atual governo de Jair Bolsonaro (sem partido) e da política em âmbito municipal.

O caso, tornado público com exclusividade pela reportagem, ocorreu na madrugada de sexta-feira, 24 de julho. Na oportunidade, um envelope usado para depósitos bancários foi deixado na caixa de correio de uma das pessoas ameaçadas. No interior, dois projéteis, de calibres .38 e .32, além de um bilhete onde eram tecidas críticas a postagens em redes sociais, além de ameaças sobre a continuidade das críticas feitas em perfis.

Os dois botucatuenses ameaçados (que tiveram as identidades preservadas) efetuaram Boletim de Ocorrência por ameaça, injúria e difamação.

Envelope continha dois projéteis e um bilhete com a ameaça. Texto não era manuscrito

No conteúdo do bilhete, o autor refere-se a pessoa ameaçada como “petista”. Em um trecho, o texto dizia:  Vc é um idiota fica postando mensagens contra pessoas de bem seu inútil, vc é um corno petista lixo. Agora quero ver vc correr na delegacia pedir ajuda se vc sempre falou mal da polícia seu filho da puta, vai lá vagabundo”.

Além da repercussão, o fato motivou posicionamento de partidos progressistas em Botucatu. Os diretórios municipais do Partido dos Trabalhadores (PT) e do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) emitiram notas oficiais repudiando as ameaças.

O Diretório de Botucatu do Partido dos Trabalhadores emitiu neste domingo, 26 de julho, nota de repúdio, onde frisa que a polarização política tem produzido casos de intolerância nos debates. “Atribuímos esse ódio ao clima de polarização política no país e a escala de perseguições contra o PT nos últimos anos”, salienta o texto publicado em rede social.

O texto frisa que “Botucatu sempre foi uma cidade pacífica e conhecida pela cordialidade e hospitalidade de seus cidadãos . Não podemos aceitar calados a atos bárbaros como este, que ferem o direito de opinião política e a Liberdade de expressão. Portanto defendemos para o cidadão, o direito de fazer suas mais contundentes críticas, de denunciar as irregularidades e de defender suas opiniões. Por outro lado, não apoiamos agressões, insultos e difamações nas redes, feitas por quem quer que seja, tão pouco por filiados ou simpatizantes do Partido dos Trabalhadores. Não compactuamos com discursos de ódio de qualquer natureza”.

Já o Partido Socialismo e Liberdade, PSOL, ressalta que “esse é mais um ataque por convicções políticas que buscava silenciar suas vozes, e não é um ato isolado mas inspirado em autoridades fascistas que incentivam a covardia, e semeiam projetos de ditadores. Em tempos tão obscuros e sinistros, nos inspiramos na coragem que a companheira e o companheiro tiveram em não se dobrar frente às injustiças, denunciar e enfrentar esse absurdo”, salientou a legenda.

O caso será investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher, já que uma das pessoas ameaçadas é do sexo feminino e, pela Lei Maria da Penha, requer investigação em separado.

Confira a nota emitida pelo Partido dos Trabalhadores

NOTA DE REPÚDIO

O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores de Botucatu vem a público repudiar o episódio ocorrido na madrugada dessa sexta 24/07, em que cidadãos de Botucatu foram ameaçados por posicionarem-se politicamente em redes sociais.

Um envelope com 2 balas de revólver foi deixado na caixa de correio de uma das vítimas, juntamente com uma carta com ameaças de morte, referindo-se a vítima como “petista lixo”.

Atribuímos esse ódio ao clima de polarização política no país e a escala de perseguições contra o PT nos últimos anos. Perseguições que culminaram na ruptura democrática com o golpe de 2016, e com a prisão injusta de Lula, além de tantas outras arbitrariedades cometidas contra o maior partido de esquerda da América Latina.
Botucatu sempre foi uma cidade pacífica e conhecida pela cordialidade e hospitalidade de seus cidadãos . Não podemos aceitar calados a atos bárbaros como este, que ferem o direito de opinião política e a Liberdade de expressão.

Portanto defendemos para o cidadão, o direito de fazer suas mais contundentes críticas, de denunciar as irregularidades e de defender suas opiniões. Por outro lado, não apoiamos agressões, insultos e difamações nas redes, feitas por quem quer que seja, tão pouco por filiados ou simpatizantes do Partido dos Trabalhadores. Não compactuamos com discursos de ódio de qualquer natureza.

Um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia da cidade e esperamos que os responsáveis sejam identificados e punidos.

O Partido dos Trabalhadores se solidariza com as vítimas e pede a toda população de Botucatu que repudie e denuncie atos como esses.
O PT acredita em um Brasil plural e democrático, com liberdade de expressão, justiça social e sobretudo paz para todos os brasileiros.

Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores de Botucatu-SP

Confira a nota emitida pelo PSOL de Botucatu

TODA SOLIDARIEDADE AOS COMPANHEIROS!!!

A Direção Municipal do PSOL Botucatu se solidariza com os companheiros covardemente ameaçados nesta sexta-feira por carta contendo duas balas de revolver e ameaça de morte. Foi feito o B.O.

Esse é mais um ataque por convicções políticas que buscava silenciar suas vozes, e não é um ato isolado mas inspirado em autoridades fascistas que incentivam a covardia, e semeiam projetos de ditadores.

Em tempos tão obscuros e sinistros, nos inspiramos na coragem que a companheira e o companheiro tiveram em não se dobrar frente às injustiças, denunciar e enfrentar esse absurdo! Acompanharemos está denuncia por esclarecimento e apontamento dos responsáveis. Não passarão!

DIRETÓRIO MUNICIPAL PSOL BOTUCATU.

Botucatu, 25/07/2020.

Fonte: Flávio Fogueral – Notícias Botucatu