Vigilância Sanitária autua agência bancária por fila com mais de 100 pessoas no Centro

22596

A Vigilância Sanitária autuou na manhã desta terça-feira, 07, uma instituição bancária do Município, localizada no Centro, que não cumpriu medidas de prevenção ao coronavírus.

Agentes da Vigilância e integrantes da Guarda Civil Municipal compareceram ao local e verificaram uma extensa fila de clientes, que não tinha a distância mínima de 2 metros entre cada pessoa.

“Foi lavrado um auto de infração, visto que não foram implantadas as estratégias de gestão e controle dos pontos de espera e orientação por elementos de sinalização no solo para distanciamento mínimo entre clientes . A fila chegou a dobrar o quarteirão da agência, com mais de 100 pessoas presentes. O banco também foi orientado sobre como evitar situações como essa, que colocam em risco a população”, afirmou Rosana Minharro, chefe da divisão da Vigilância Sanitária de Botucatu.

Em Botucatu, de acordo com o decreto nº 11.965, as instituições bancárias são responsáveis por evitar aglomeração de pessoas em filas, tanto dos atendimentos pessoais, quanto dos caixas eletrônicos.

O decreto, que estabelece medidas de regulamento e funcionamento desses estabelecimentos, traz também outras responsabilidades aos bancos:

– Promover o distanciamento de dois metros entre os pontos de atendimento e estações de trabalho; 

– Promover a distância mínima de dois metros dos clientes nas filas internas e externas, incluindo orientação via cartaz, faixas e sinalização de solo;

– Oferecer materiais de higiene e proteção a clientes e funcionários, bem como promover a higienização dos equipamentos utilizados pelos mesmos.

Durante a ação, a GCM distribuiu aproximadamente 50 máscaras e deu instruções de prevenção aos cidadãos que integravam a fila.