Chapa emite nota sobre eleição na Associação Atlética Ferroviária

14news.com.br-sexta-feira-3-de-julho-tem-eleicao-na-associacao-atletica-ferroviaria-whatsapp-image-2020-06-18-at-10.12.10

Nota emitida pela chapa de oposição sobre a eleição na Associação Atlética Ferroviária (AAF):

“A Chapa Sócio + AAF informa que buscou o poder judiciário porque foi impedida de participar do pleito eleitoral previsto para o dia 3 de julho.
A AAF, de maneira irregular, procedeu à alteração estatutária. Explica-se: a alteração estatutária tem que ser requerida por, pelo menos, 1/3 do Conselho deliberativo, e aprovada em assembleia geral de associados. Entretanto, foi proposta por apenas 1 conselheiro e aprovada por 21 conselheiro, numa confraternização no final de ano, numa chácara de um deles. Não houve convocação pra assembleia e nem participação dos sócios. Pelo estatuto, a aprovação da alteração não é de competência do Conselho. Mas o pior foi a matéria aprovada. Faltando menos de 6 meses para as eleições, eles criaram uma barreira, onde passou a se exigir 12 meses de associação para votar e ser votado, ou seja, quem foi admitido no clube em 11/2019, e poderia participar dessa eleição, em 12/2019, foi impedido, numa alteração irregular que restringiu a participação de associados, impondo regras para o passado. Já temos uma decisão judicial que considerou essa manobra irregular, mandando respeitar o estatuto antes da alteração. Não bastasse a isso, houve o indeferimento do registro da chapa com a alegação de inaptidão de vários associados. Instados a se explicar, a comissão eleitoral, nomeada pelo presidente, não disse qual associado estava inapto e nem o motivo da inaptidão. O estatuto permite fazer eventuais correções, mas para isso é preciso saber o que retificar. Assim é que, diante de tais procedimentos irregulares, adotados pela atual diretoria, no intuito de proibidos a participação dos associados ao pleito, é que aguardamos uma resposta do poder judiciário”.

Fonte: 14 News